22 Jun 2009

Uma dupla imparável


O director-geral da TVI, José Eduardo Moniz, vai avançar com um processo judicial contra o jornal ‘A Bola’, o seu director, Vítor Serpa, e o jornalista José Manuel Delgado.
Na edição de hoje, o jornal desportivo refere que a eventual candidatura de Moniz à presidência do Benfica estaria ligada a um negócio para “tomar de assalto” o clube da Luz, através de um negócio que envolveria os grupos espanhóis Prisa e Mediapro.

in Correio da Manhã

Manuela Moura Guedes & marido muito em breve estão no Guinness como o casal mundial com mais processos avançados contra meio mundo.
Uma coisa é certa, se a Prisa os quiser empandeirar, agora vai ter muita mais dificuldade.
Uma coisa é ser director geral de uma televisão, outra muito diferente é ser putativo candidado a presidente do Benfica.

Quem é que sabia da existência do actual antes de ele ser o que é?

3 comments:

Luis said...
This comment has been removed by the author.
Luis said...

Putativo ??? Que lindo adjectivo

Aparentemente (wikipedia) dá-se esse fenómeno quando o "agente" imagina que a conduta por ele praticada constitui crime mas em verdade constitui uma conduta atípica, ou seja não há punição para o ato praticado.

Será que tem algo a haver com a MMG?
(deixo em iniciais pois não quero que me levantem algum processo putativo)

Fado Alexandrino said...

putativo adj.
Que é reputado ser o que não é.

Ou seja usa-se quando alguém parece que vai concorrer a um cargo mas é apenas fumaça.