4 Mar 2010

Vergonha

Um bando de nazis nesta escola levou a que um garoto de 12 anos, desesperado, se tivesse atirado a um rio e morrido.

A dor dos Pais deve ser imensa.
Segundo os jornais os bandalhos já estão a ser acompanhados por psicólogos.
Ninguém vai ser responsabilizado.
Não abriu telejornais.
Se fosse pretito talvez.

5 comments:

tacci said...

Tens razão, fosse ou não pretito, romeno ou cheka-ló-turco.

Toninho said...

Boa noite.

Mais do que a imagem é o resultado do actual ensino.

Acrescentaria que se trata da "evolução" da geração "rasca" dos tempos do cavaquismo para a geração socretina.

Anime-se Fado, serão estes os homens de amanhã.

Cumprimentos.

Fado Alexandrino said...

Obrigado.
Infelizmente estão ambos caregados de razão.

Toninho said...

Boa noite, 'ta vez.

Como coíncidimos nos gostos musicais em Pedro Abrunhosa, permita-me meu caro Fado perguntar-lhe se já conhece o seu novo "hit"?...

Deixo-lhe de seguida o link:

http://www.youtube.com/watch?v=nRRs7YgyOZo

"Para cima" de EXCELENTE, julgo eu.

Desculpe o "fora de assunto" mas como é por uma boa causa...

Cumprimentos.

Dylan said...

O caso de bullying ocorrido em Mirandela vem expor à saciedade a gravidade desta praga. O problema já ultrapassou os portões escolares para entranhar-se de uma forma asquerosa na vida social e no local de trabalho. Porque não estamos a falar apenas de uma obsessão pelo poder, da dominação sobre um indivíduo, mas de um agressor que ameaça tornar-se num potencial criminoso. Esta forma de intimidação pode ter tido origem dentro do ambiente familiar onde a educação infantil não foi devidamente acautelada. A escola de Mirandela foi a primeira a descartar-se, por isso, à semelhança do que aconteceu noutros países com casos semelhantes, deveria ser duramente responsabilizada, começando pelo autismo das chefias e reforçando a vigilância preventiva de todos os intervenientes do sistema educativo.

http://dylans.blogs.sapo.pt/